Charles Darwin e Allan Kardec: confronto ideológico

Se fôssemos pensar o darwinismo à luz das doutrinas religiosas, qual religião melhor se adaptaria aos ideais propostos pelo naturalista inglês Charles Darwin?

Bem. Não restam dúvidas de que o Espiritismo é a escolha mais coerente sob este ponto de vista. Sim, pois como é sabido, o pai da religião espírita, o francês Allan Kardec, ao construir suas doutrinas fez uso abundante dos pressupostos evolutivos, mais exatamente da evolução como idéia de progresso. Ademais, o Espiritismo, tal qual o Darwinismo, faz questão de lograr para si o status de "ciência", e ciência "de fato", diga-se de passagem!

E sobre o assunto, faço referência de um livro de autoria de
Hebe Laghi de Souza, no qual esta afinidade é defendida como sendo um diálogo ideologicamente possível. O título é: Darwin e Kardec: Um Diálogo Possível, publicado pela Editora Allan Kardec.

Vejamos a síntese do livro, conforme o site espírita citado logo abaixo:

"A obra contribui para diminuir a distância entre os dois polos do conhecimento em que se pôs o Homem por inércia, orgulho, vaidade ou medo. As leis da natureza, reveladas por Charles Darwin, se põem paralelas às do mundo espiritual, codificadas por Allan Kardec. Livro indicado a todos os que desejarem entender o ser espiritual que somos, nosso destino futuro, o que fazemos aqui, a razão da existência de um sistema evolutivo aparentemente cruel e os motivos de nossa vivência sujeita a obstáculos e sofrimentos."
Fonte:

12 comentários:

  1. É INTERESSANTE DE ONDE SURGEM TANTOS NOVOS ESPÍRITOS PARA VOLTAREM PARA A TERRA, JÁ QUE A POPULAÇÃO MUNDIAL ATUAL É MAIOR EM RELAÇÃO AO PASSADO, ISSO SEM CONTAR OS QUE JÁ ATINGIRAM "A EVOLUÇÃO" E ESTÃO AÍ PASSEANDO PELO UNIVERSO E SÃO SUBTRAÍDOS DESSA MATEMÁTICA...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Surgem do Universo pois vida, consciência e tudo mais não existem só na Terra.... Só na nossa Via-Lactera há chance de mais de 100 bilhões de planetas iguais à Terra (e isso é descoberta recente de buscas por exoplanetas).

      Excluir
  2. Se a evolução espiritual fosse verdadeira, era para o mundo estar muito melhor e não pior.
    Eu já fui kardecista, mas agora prefiro acreditar no Inferno mesmo para todos esses canalhas que são capazes até de alugar um ventre humano e de vender embriões humanos. Essa idéia de reencarnação faz um mal moral enorme, pois faz parecer que Deus é relapso, deixa pra punir mais tarde, passa a mão na cabecinha de monstros.
    Não concordo com a idéia de que quase todo mundo vai para o inferno, mas eu já vi tanta coisa errada na minha vida que sinceramente acredito que em certos casos existe sim CONDENAÇÃO ETERNA E SOFRIMENTO ETERNO.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Amiguinho, não vou questionar a sua posição, cada um tem a sua.
      Crença faz parte da raça humana, até ATEU, que diz não acreditar em Deus,.....acaba acreditando em um monte de baboseiras...tidas como racionais...rsrsss
      Mas, uma coisa eu quero questionar, você pode ter sido qualquer coisa, menos Kadecista.

      Excluir
    2. Bom....nesse caso você vai para salvação eterna ou sofrimento eterno? Do que você gostaria? Ou melhor, o que você acha que merece?

      Excluir
    3. Bom....nesse caso você vai para salvação eterna ou sofrimento eterno? Do que você gostaria? Ou melhor, o que você acha que merece?

      Excluir
  3. Há algum tempo ouço as teorias Kardecistas, nas quais construi a base de toda a minha personalidade, por acreditar ser a mais coerente, então cursei psicologia, e nas aulas de antropologia, e neuropsico, aprendi muito sobre Darwin, e passei a associar as idéias em comum, do cientista e a do espirita, e notei também a grande conhecidencia na defesa da evolução dos seres, e criativa e critica como sou passei a entender dentro das duas filosofias uma teoria particular, mais mantendo a fé nos dois argumentos.
    Esta teoria não vou citar aqui para não me estender.
    Então pensei porque não pesquisar a data exata das publicações das duas teorias, e percebi apenas cinco anos de diferença entre uma e outra, e como sabemos que o pensamento Darwinista causou grande polemica na época, por mudar mais uma vez o pensamento de Deus como criador de cada ser de forma individual, devo entender que tal teoria causou interesse de intelectuais como Kardek que possivelmente teve a idéia de unir a religião com a ciencia, embora eu saiba que Kardek não assume tais idéias como partida dele, e sim de duas meninas mediunizadas nas quais ele pesquiva.
    O interessante é que o livro de Kardek foi escrito 5 anos após a teoria da evolução de Darwin.
    O que eu me questiono, teria Kardek se influenciado pela literatura de Darwin e unido esta informação a religiosa da época e criado uma nova teoria religiosa, que pudesse adaptar ciencia e religião, ou seria mera conhecidencia?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Concordo com Najarta Loiola, as publicações de Darwin eram abertas ao mundo desde 1832, pois ele sabia da polêmica que iria causar. Nesta época o Iluminismo fervia e transformava os pilares da ciencia, política e religião. E me parece bem sensato e coerente esta tese.
      Lembro que a publicação oficial conforme pesquisa do Emerson tenha sido em 1859, mas já havia artigos publicados de Darwin a mais de 20 anos anteriores a esta data em que o tema era amplamente debatido no meio científico da época. Inclusive a famosa "The Voyage of the Beagle" publicou as cartas de Darwin sobre a evolução das espécies, e isto em 1839.
      Logo, a união entre religião e ciencia, pode ter sim "racionalizada" e criada por Kardec. Onde ele mesmo considera em suas obras que o espiritismo é uma "ciência" e que merece ser estudado.
      Porém para os crentes, esta imparcialidade não é aceita, por razões que nossa humanidade já conhece muito bem nos ultimos milênios, que é a fé.

      Excluir
    2. Alexsander Bonafini16/11/2013 09:40

      Não foi mera coincidência, mas sim um período que foi chamado por Conan Doyle, espírita, de "invasão organizada", dos Espíritos de Escol influenciando todos os setores para a transformação do planeta. O Livro dos Espíritos, que não é de Kardec, mas organizado por ele, com perguntas feitas aos "Espíritos" e por eles respondidas, não pelo codificador, traziam a informação da evolução, que o próprio Kardec no princípio não era totalmente favorável, mas com sua alma de cientista, e com a obviedade das respostas, existe um capítulo nessa obra específico sobre o assunto, que mais tarde, na Gênese, 5 obra, do pentateuco Kardequiano, é mais esmiuçado e após, nas obras complementares é explicado com mais profundidade. Vale ressaltar que Kardec lançou o livro dos Espíritos em 1857, mas passou a estudar os fenômenos mediúnicos e questionar os imortais a partir de 1855 em meio a ebulição do movimento iluminista. É óbvio que toda ciência influenciou Kardec, mas vale ressaltar mais uma vez, ele organizou o prédio do movimento espírita, mas os responsáveis pela doutrina são os Espíritos, pois a iniciativa foi deles. Vc pôde com neutralidade averiguar que a consonância entre as "ciências" é grandiosa, pois isso demonstra a grandeza de Deus e da verdade, que lança seus raios para todos, de forma igual, mas cabe a cada um recebê-lo, em espírito e verdade. Abçs fraternais!

      Excluir
    3. Alexasande, seria interêssante você pesquisar melhor, livros dos espiritos lançado em 1857 por Kardec e de Darwin em 1859 !!! preste atenção ?

      Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
      On the Origin of Species
      A Origem das Espécies
      Origin of Species title page.jpg
      Edição em inglês do livro A Origem das Espécies (1859)
      Autor (es) Charles Darwin
      Idioma Inglês
      País Reino Unido
      Assunto Seleção natural
      Biologia evolutiva
      Género ciência, biologia
      Lançamento 24 de novembro de 1859
      Páginas 502
      Cronologia
      Último
      On the Tendency of Species to form Varieties; and on the Perpetuation of Varieties and Species by Natural Means of Selection

      Fertilisation of Orchids
      Próximo

      A Origem das Espécies (em inglês: On the Origin of Species), do naturalista britânico Charles Darwin, apresenta a Teoria da Evolução. O nome completo da primeira edição (1859) é On the Origin of Species by Means of Natural Selection, or the Preservation of Favoured Races in the Struggle for Life (Sobre a Origem das Espécies por Meio da Selecção Natural ou a Preservação de Raças Favorecidas na Luta pela Vida). Somente na sexta edição (1872), o título foi abreviado para The Origin of Species (A Origem das Espécies), como é popularmente conhecido.

      Excluir
  4. Na verdade, O Livro dos Espíritos é de 1857, ANTERIOR, portanto, da Origem das Espécies, que é de 1859. Assim, Allan Kardec não se inspirou em Charles Darwin, porque ao lançar O Livro dos Espíritos, o livro Origem das Espécies ainda não era conhecido. A teoria espírita da evolução é muito mais ampla que a de Darwin porque abrange também a evolução do espírito, não apenas a evolução dos corpos, além de explicar como ambas estão necessariamente interligadas.

    ResponderExcluir
  5. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir

Excetuando ofensas pessoais ou apologias ao racismo, use esse espaço à vontade. Aqui não há censura!!!