A Arte na Primeira Guerra Mundial

A Primeira Guerra Mundial foi um evento dramático que marcou de maneira drástica a rotina das pessoas naquele dado período histórico. Romancistas, poetas, pintores e a cultura de um modo geral foram de alguma maneira influenciados pela Grande Guerra. Em consequência da incipiência da fotografia na época, era comum, nos periódicos, a publicação de ilustrações diretamente relacionadas ao cotidiano da Guerra. As que seguem, são alguns exemplos que nos levam a pensar sobre a importância deste evento militar na mentalidade coletiva das pessoas em todo o mundo enquanto durou a Guerra.
 
"Pagina do heroismo inglez" - A construção de uma ponte , na frente Ocidental, debaixo do bombardeio dos aviões alemães

 "O Exército Portuguez na Flandres" - Composição do artista francês Voiat
 "O Julgamento do Kaiser" (1918)
"A Aproximação dos Bárbaros - O êxodo dos italianos" - capa da "Revista da Semana", edição do dia 6 de março de 1918

"O Congresso de Viena". O famoso Congresso de Viena, em que estiveram representados todas as potências da Europa, em 1814, por iniciativa do príncipe de Meternink, o célebre chanceler austríaco, a fim de reformular o mapa da Europa após a queda de Napoleão. O Congresso propunha-se a implantar a paz permanente na Europa, porém, sem levar em conta as pretensões nacionalistas dos Balkans, o que acabaram por culminar na Primeira Guerra Mundial, quer se deu exatamente um século depois, ou seja, em 1914. O rei Nicolau do Montenegro, referindo-se a esta grande Guerra, afirmou: "Essa terrível guerra dura há um século. Esperamos que ele represente a derradeira revoltas das nações oprimidas pela injustiça do Congresso de Viena".
---
Fonte:
Revista da Semana, edições de 1918, disponível digitalmente no site da Biblioteca Nacional Digital do Brasil

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Excetuando ofensas pessoais ou apologias ao racismo, use esse espaço à vontade. Aqui não há censura!!!