O Caso do Acaso: uma lenda para meninos ((rs))

Conta-se segundo uma lenda de origem inglesa, que há milhões de anos o mundo era totalmente desabitado. Não havia nele absolutamente nenhuma forma de vida. Não existiam oceanos, continentes, nuvens nem este lindo céu azul.

Porém, com o passar dos tempos, após um longo resfriamento da temperatura terrestre, formaram-se, AO ACASO, os continentes, os oceanos e a atmosfera. E o tempo passou...

Passado o tempo começou a surgir, AO ACASO, a primeira forma de vida na terra, que consistia num ser formado por apenas uma célula (ou unicelular). E o tempo passou...

Passado o tempo, esse pequeníssimo ser, AO ACASO, começou a evoluir, adquirindo uma nova forma. E o tempo passou...

Passado o tempo, deste minúsculo serzinho apareceu, AO ACASO, um pequeno “monstrinho” em forma de minhoca, a quem deram o nome de Pikaia. E o tempo passou...

Passado o tempo, esse “monstrinho” desenvolveu-se, AO ACASO, evoluindo até se transformar num peixe, denominado Crossopterygian. E o tempo passou...

Passado o tempo, o peixinho, seguindo seu destino adquiriu, AO ACASO, a forma de um anfíbio. E o tempo passou...

Passado o tempo, o anfíbio, por sua vez, AO ACASO, transformou-se num réptil categorizado como Anapsídeo, que, segundo a lenda assemelhava-se à tartaruga atual. E o tempo passou...

Passado o tempo, o grupo do réptil também evoluiu, AO ACASO, dando origem aos mamíferos e às aves. E o tempo passou...

Passado o tempo, do grupo dos mamíferos originou-se, também AO ACASO: Charles Darwin, Isaac Newton, Albert Einstein, Luciano Pavarotti, Ludwig van Beethoven, Machado de Assis e eu, pobre mortal que não consegue entender o quanto é óbvia a Teoria da Evolução e o quanto é verdadeira suas premissas! ((rs))


É isso!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Excetuando ofensas pessoais ou apologias ao racismo, use esse espaço à vontade. Aqui não há censura!!!